terça-feira, 14 de julho de 2015

Previsão Para Safra 2014/15 é Recorde

A expectativa para a safra 2014/2015 é de colheita recorde. Segundo o 10º levantamento feito pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado esta semana, a previsão é produção de 206,3 milhões de toneladas. Esse número é 6,6% maior que o da safra anterior, o equivalente a 12,7 milhões de toneladas a mais.

O destaque do período foi o milho 2ª safra, que apresentou avanço de 1,8 milhão de toneladas frente ao levantamento do mês passado. "Cerca de 39% da safra brasileira está sendo realizada pelo milho 2ª safra", disse João Marcelo Intini, diretor da Conab.

Ganho de produtividade, boas condições de clima e uso de tecnologia favorem a produção do milhoGanho de produtividade, boas condições de clima e uso de tecnologia favorem a produção do milho

O milho 2ª safra apresentou bom desenvolvimento, segundo Intini pelo ganho de produtividade e tem avançado por ter aproveitado uma "janela temporal que reuniu boas condições de clima e uso de tecnologia". "Surpresa no milho 2ª safra é de que avanço da produção não está estagnado", disse o diretor. A previsão para o milho 2ª safra é de que 51,5 milhões de toneladas, 6,5% mais que a safra anterior.

Feijão
A safra de feijão, segundo a Conab, passa por uma correção frente ao último levantamento. A área plantada caiu 11,7% na 3ª safra e a estimativa de produção recuou 8,2%, ficando em 792,4 mil toneladas. Em junho, a previsão era maior, estava em 814,5 mil toneladas. Na safra passada, essa cultura ficou em 863,4 mil toneladas. Os dados são do 10º levantamento de safra 2014/15, divulgados hoje.

"Não há problema de abastecimento para feijão, tem produto bom e bem remunerado na praça", afirmou o diretor da Conab, João Marcelo Intini. "O feijão é mais sensível que soja, não é produto de estocagem", disse o diretor ao garantir que não há problema de acesso ao feijão, só um ajuste de mercado. Ele ponderou ainda que a 2ª safra de feijão está 80% colhida.

Sobre a soja, ele observou que foram colhidas cerca de 10 milhões de toneladas a mais do que na safra passada, alcançando 96,2 milhões de toneladas. Ele observou que o trigo no Paraná está em fase de desenvolvimento vegetativo e que no Rio Grande do Sul o cereal teve plantio mais tardio.

0 comentários:

Postar um comentário

OS COMENTÁRIOS SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR.

REGRAS PARA FAZER COMENTÁRIOS:
Se registrar e ser membro do Blog; Se identificar (não ser anônimo); Respeitar o outro; Não Conter insultos, agressões, ofensas e baixarias; A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica; Buscar através do seu comentário melhorias para nossa cidade.

A BOCA FALA AQUILO QUE O CORAÇÃO ESTÁ CHEIO. E O NOSSO ESTÁ CHEIO DE AMOR! JUNTOS SOMOS MAIS.