sábado, 31 de outubro de 2015

Crédito Consignado para Aposentados Vai Ficar Mais Caro

Três dias depois de o Banco Central ter divulgado o balanço mensal mostrando que as taxas anuais de juros do cartão de crédito e do cheque especial tinham subindo dez pontos em setembro, o Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS) aprovou novas taxas limites para os empréstimos consignados, que têm como como clientes de bancos e financeiras aposentados e pensionistas da Previdência Social, além de servidores públicos das três esferas do executivo – federal, estadual e municipal. 

Com mudanças anunciada ontem, menor taxa de juro para empréstimo vai a 32% ao anoCom mudanças anunciada ontem, menor taxa de juro para empréstimo vai a 32% ao ano

Para empréstimo pessoal, o percentual passa de 2,14% para 2,34% ao mês, isto é, sobe de 28,9% ao ano para 32%/ano. Para empréstimos feitos pelo cartão de crédito, a taxa sai de 3,06% para 3,36% (48,6% ano). A mudança passará a valer somente com a publicação no Diário Oficial da União, nos próximos dias.  Assim, para pagar um empréstimo pessoal de R$ 5 mil, o tomador do dinheiro teria de pagar, ao longo de um ano, R$ 6.658,48, fora as taxas e os impostos

Segundo o Ministério da Previdência Social, desde maio passado, o conselho vinha colocando o aumento dos juros na mesa de debates. As instituições financeiras pleiteavam taxa limite de 2,48% para o empréstimo pessoal e 3,49% para a modalidade cartão de crédito, mas segundo o ministério, essa proposta não foi aceita.

No último dia 22, o Diário Oficial da União publicou a lei que amplia o limite de renda que pode ser comprometido com crédito consignado, descontado em folha de pagamento. O limite passou de 30% para 35%. O percentual adicional de 5% só pode ser destinado para pagar dívidas de cartão de crédito ou para saque por meio de cartão.

Apesar do aumento, o crédito consignado ainda é a modalidade de empréstimo com juros mais baixos do mercado. Um empréstimo pessoal, no Banco do Brasil, por exemplo, tem taxa de juros de 4,83% ao mês. No Bradesco, os juros são de 6,73%, o que significa 119% ao ano, segundo especialistas em finanças.

0 comentários:

Postar um comentário

OS COMENTÁRIOS SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR.

REGRAS PARA FAZER COMENTÁRIOS:
Se registrar e ser membro do Blog; Se identificar (não ser anônimo); Respeitar o outro; Não Conter insultos, agressões, ofensas e baixarias; A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica; Buscar através do seu comentário melhorias para nossa cidade.

A BOCA FALA AQUILO QUE O CORAÇÃO ESTÁ CHEIO. E O NOSSO ESTÁ CHEIO DE AMOR! JUNTOS SOMOS MAIS.