Aulões e DICAS na Reta Final para o ENEM

E ste final de semana (24 e 25) vem sendo aguardado com ansiedade e muita expectativa por 6.414.700 estudantes em todo o Brasil. No Rio Grande do Norte, 179 mil pessoas devem participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2015. A Universidade Federal do Rio Grande do Norte irá oferecer 6.878 vagas para ingresso dos alunos em 2016 por meio de seleção pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSU).

Depois de um ano inteiro de estudos intensos, a orientação dos professores para os estudantes é de que esse último dia seja de revisões leves e de relaxamentoDepois de um ano inteiro de estudos intensos, a orientação dos professores para os estudantes é de que esse último dia seja de revisões leves e de relaxamento

Depois de um ano inteiro de estudo e dedicação, a orientação dos professores é de que esse último dia seja de revisões leves e relaxamento. “Faremos uma revisão amanhã (hoje), com 25 professores, mas será na verdade uma aula dinâmica e descontraída  para que os alunos refresquem a memória e relaxem com os colegas”, é a dica do professor Josiberto Rêgo, do CDF Colégio e Curso.

As  180 questões de múltipla escolha estarão divididas igualmente entre quatro áreas de conhecimento: Ciências Humanas e suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias; Matemática e suas Tecnologias; e Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Em cada dia, 90 questões de múltipla escolha devem ser respondidas, além da redação, que será realizada no segundo dia (25), junto com as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias.

O tempo de duração total para execução das provas será de 5h30, contando a partir das 12h30. Em Natal, os estudantes devem ficar atentos ao horário de fechamento dos portões, que abrem as 11h e fecham ao meio dia, diferente do horário de Brasília.

O momento também é de despedidas e muita emoção para os alunos que conviveram o ano inteiro, estudando juntos e superando as dificuldades que o ENEM exige. A despedida foi embalada por abraços e lágrimas. “Estivemos juntas o ano inteiro e hoje é o último dia que isso acontece”, declarou a aluna Emily Júlia com os olhos ainda marejados.

TN Online
A TRIBUNA DO NORTE também está atenta ao ENEM. No hotsite www.tribunadonorte .com.br/enem há diversas vídeos-aula de todas as disciplinas,  simulados com gabaritos e dicas de estudo e de relaxamento. Hoje (23) e amanhã (24) serão disponibilizadas as últimas aulas de revisão nas áreas de Linguagens e suas Tecnologias; Redação e Matemática e suas Tecnologias.

Redação
O tema da redação sempre é um assunto polêmico e muito especulado. Depois da grande surpresa no tema abordado no ano passado “Publicidade infantil em questão no Brasil”, a professora de produção textual, Roseli Silva espera que esse ano a temática esteja em um meio termo, não seja nem um dos assuntos que estão frequentemente em evidência na grande mídia, nem seja algo tão inesperado.

“Acredito que temas relativos a qualidade de vida dos idosos e a nomofobia (angústia causada pela incapacidade de comunicação através de aparelhos celulares ou computadores), que estão sendo tratados discretamente tanto pelo Governo quanto na imprensa, podem ser fortes candidatos a tema da redação”, disse.

“Temas que levam em conta recursos naturais, meio ambiente e sustentabilidade não aparecem há algum tempo. Também são fortes candidatos”, concluiu. Para se preparar bem para a redação, além de se aprofundar no estudo gramatical, é imprescindível está sempre atento as notícias da atualidade.

Professores dão dicas finais
Osley Leandro – Matemática
“A expectativa é que a prova seja composta em 40% por questões de matemática básica e que somando a isso geometria plana e espacial alcance os 65%. Os 35% restantes devem abranger questões de análise combinatória, probabilidade, estatística e função.  O nível do Exame vem aumentando nos últimos três anos, as questões são bem contextualizadas e a maior dificuldade deve ser interpretá-las. Lendo com calma e paciência o aluno que domina o conteúdo vai se sair bem”

Jaison Nobre – Física
“Energia é um dos pontos mais importantes da prova, não só pra física. Temas que não devem ficar de fora são conservação de quantidade de movimento e fenômenos ondulatórios. Algumas fórmulas também devem estar na ponta da língua, como a da Potência, da Energia, a Equação Fundamental de Calorimetria e a Equação Fundamental da Ondulatória. É esperada uma prova bem contextualizada, com pouco cálculo, mas bem elaborada. A ideia agora é revisar com calma o que foi estudado o ano inteiro”

Nilsinho – Química
“Trabalhei os alunos para uma prova mais tradicional, ou seja, com textos mais curtos e objetivos. A dinâmica das aulas é voltada para estudos de caso, daí vem também a necessidade de que o aluno esteja mais antenado.  Acabamos fazendo mais debates que grandes cálculos. Acredito que a prova de química venha com cerca de 20% de cálculo e que boa parte dele possa ser resolvido com regra de três simples. Aposto também nos impactos ambientais. Orgânica, físico-química e meio ambiente também devem ser focados na revisão.”