Mensalidades de Escolas do RN Devem Aumentar Acima de 10%

O reajuste das mensalidades escolares para o ano letivo de 2016 ainda não foi definido integralmente pelo Sindicato das Escolas Particulares do Rio Grande do Norte (Sinep/RN). De acordo com os centros de ensino ouvidos pela TN, contudo, os valores devem manter a média de 2015, entre 10% e 13%. A expectativa do Sinep/RN é que as planilhas de custos estejam concluídas até a próxima segunda-feira (16), o que garante a apresentação das anuidades até 45 dias antes do fim do período de matrículas – prazo estipulado pela Lei Nº 9.870/1999.

Ana SilvaSalesiano deve divulgar percentual na próxima semana, como outros estabelecimentosSalesiano deve divulgar percentual na próxima semana, como outros estabelecimentos

“A maioria das escolas estão computando seus custos para as planilhas. Não dá para precisar quais serão as necessidades de cada uma. Vivemos um período de instabilidade econômica muito grande. Não posso falar em percentuais”, declarou Alexandre Marinho, presidente do Sinep/RN, garantindo que os levantamentos serão finalizados até o fim desta semana. “Temos que levar em consideração o reajuste salarial dos professores, que só acontece no mês de março. Por isso leva um tempo. Mas, até dia 15 estará pronto, para apresentar no dia seguinte”, afirmou. 

Para o economista Janduir Nóbrega, os percentuais de reajustes estão dentro da atual realidade inflacionária do país, com Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) na faixa de 9,99%. “Levando em consideração a inflação é o que temos. Mas, claro que existem outros custos neste processo, para as escolas. De modo geral, a mão de obra tem um impacto forte nas folhas de pagamento. Por isso algumas colocam até 13%, que seria 30% mais caro que a inflação”, explicou.