Estudo Destaca Natal em Infraestrutura Turística

Um estudo divulgado ontem pelo Ministério do Turismo aponta São Paulo como o destino mais competitivo do Brasil, mas também destaca Natal em duas categorias: “infraestrutura geral” e “aspectos ambientais”, em que aparece como a cidade mais competitiva do Nordeste. Em áreas como atrativos turísticos, promoção do destino e políticas públicas, no entanto, outras cidades estão na frente.

Ponta Negra, em Natal: Em itens como promoção e políticas públicas outras cidades estão na frentePonta Negra, em Natal: Em itens como promoção e políticas públicas outras cidades estão na frente

O Índice de Competitividade do Turismo Nacional 2015, avaliou 65 destinos turísticos de Norte a Sul do país – entre maio e agosto de 2015. Foram avaliados 13 indicadores de desempenho da atividade turística e os índices de competitividade foram divididos em uma escala de cinco níveis (de 0 a 100). Destinos que alcançaram de 0 a 20 pontos, por exemplo, foram classificados no chamado nível 1, o de menor competitividade no setor. Há também faixas intermediárias, assim como a de maior desenvolvimento, para os que obtiveram de 81 a 100 pontos.

De acordo com o levantamento, Natal éestá em 7º no item infraestrutura-geral e é a 6ª em aspectos ambientais, dois dos 13 quesitos avaliados na pesquisa. Mas em ambos, recebeu as maiores notas do Nordeste.

“Os destinos brasileiros estão se estruturando para receber cada vez melhor os turistas. Nosso papel é apoiar os estados e municípios a se tornarem cada vez mais competitivos, investindo em promoção e infraestrutura turística”, afirmou o ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves.