Turismo Esquenta no RN. E CANGUARETAMA CONTINUA DESPREPARADA!

CNT: Enquanto o turismo no RN aumenta, a prefeitura de Canguaretama continua sem planejamento e despreparada, em infraestrutura, para atender o turista. INFELIZMENTE!!!

Belas praias, sol forte, mar limpo e claro, receptividade, bons preços em passeios e na rede hoteleira. Estes são fatores que transformam o Rio Grande do Norte em unanimidade no turismo brasileiro, principalmente, na alta temporada. Nesta próxima estação, não será diferente. Até o fim de janeiro, já estão garantidos 800 voos extras, com começo de desembarque.

No entanto, tal movimentação revela também uma lacuna na conectividade com as demais regiões do país. Na prática, nem sempre Natal aparece como um destino barato e de fácil acesso via rotas regulares, de companhias aéreas. E a situação gera impactos.

Quem trabalha na esteira do turismo, e depende dos voos para ter boa parte de seus clientes, afirma que, apesar de superada no veraneio, a malha limitada ao longo do ano dificulta o retorno financeiro e a logística dos serviços. “A oferta para Natal não é suficiente. E, como a demanda é pouca, há esses fretamentos e extras, que chegam sempre lotados. Isso é benéfico na alta estação. Sem esses voos, não teríamos movimento turístico nessa época.

Mas, na baixa, as passagens são muito mais caras que João Pessoa, Recife, Fortaleza. Hoje, existe uma necessidade real de acrescer os voos para cá, mas, não tem acontecido”, declarou Abdon Gosson, presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens no Rio Grande do Norte (Abav-RN).