Pronunciamento de Dilma é Destaque na Imprensa Internacional

Jornais noticiaram chamado para combate ao mosquito transmissor da zika sem citar panelaço


O “Telegraph” destacou a resposta de Dilma à epidemia - Reprodução

Desde que a Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou para a possível relação entre o vírus zika e o aumento de casos de microcefalia no Brasil, a epidemia tem recebido destaque em sites de notícias e impressos estrangeiros. Opronunciamento da presidente Dilma Rousseff sobre a necessidade de combate ao mosquito transmissor da doença na noite desta quarta-feira ganhou repercussão internacional. O

Em sua versão online, o americano “The New York Times” noticiou o chamado da presidente transmitido em cadeia nacional de TV e ressaltou o discurso do governo, que se diz “mobilizado para desenvolver uma vacina”, mas insiste que, até que esteja disponível, a população deve se prevenir.

A “CNN” e o “Telegraph” também destacaram a resposta do governo à epidemia. A rede de TV americana e o jornal britânico apontaram que, segundo a presidente, o país está providenciando recursos humanos, financeiros e tecnológicos para lutar contra o vírus.

A “BBC”, por sua vez, lembrou que uma mobilização nacional está agendada para o próximo sábado, quando o Exército deve visitar residências em todo o país com o objetivo de combater criadouros do Aedes aegypti. O jornal britânico reproduziu trechos do discurso de Dilma, que afirmou que esta é uma “batalha que não pode ser perdida”, e também citou as dificuldades na notificação de casos de microcefalia no Brasil.