Os Bastidores da Cassação de Eduardo Cunha

cunhaI

A expectativa sobre a possível cassação do presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), cuja votação no plenário é estimada para julho, deflagrou a corrida pela presidência da Casa. Há pelo menos dez nomes cotados, a maior parte dentro da própria base aliada do Governo.

Nos bastidores, a preocupação principal do Planalto é haver um racha na base aliada por conta da fragmentação de candidaturas. Diversos líderes de partidos governistas foram ao presidente em exercício, Michel Temer, pedir para manter a unidade dentro da base, essencial para conseguir a aprovação de matérias na Câmara.