OLIMPÍADA! Rafaela Silva, que saiu de Cidade de Deus, Ganha Primeira Medalha de Ouro do Brasil nos Jogos do Rio



A melhor judoca do país na história

Aos seis anos, Rafaela Silva saiu da Cidade de Deus, a comunidade carente e violenta que ficou famosa com o filme homônimo de Fernando Meirelles, para se tornar a melhor judoca que o Brasil já teve. Em 2013, ela foi campeã mundial, também em sua casa, no Rio de Janeiro. Nenhum outro judoca do país tem títulos olímpicos e mundiais. Sarah Menezes, Aurélio Miguel e Rogério Sampaio têm ouros olímpicos, mas nunca venceram Mundiais. João Derly (duas vezes), Tiago Camilo, Luciano Correa e Mayra Aguiar têm o Mundial, mas não o ouro olímpico.

Rafaela conquistou a primeira medalha de ouro do Brasil nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. A carioca que começou a lutar em um projeto social é a nova campeã olímpica dos leves (57kg) do judô, após bater a mongol Sumiya Dorjsuren, atual líder do ranking mundial, nesta segunda (08).

Para uma criança que saiu da comunidade com cinco anos e começou no judô por brincadeira, é demais. Eu dedico [essa medalha] a todo mundo.

"Treinei muito depois de Londres porque não queria repetir o sofrimento. Depois da minha derrota, muita gente me criticou, disse que eu era uma vergonha para minha família, para meu país. E agora sou campeã olímpica", desabafou.