Vaticano Canoniza Madre Teresa de Calcutá no Domingo (4)

madre

O Vaticano vai canonizar no domingo (4) a beata madre Teresa de Calcutá, depois de ter reconhecido, após vários anos de investigação, a ´cura extraordinária´, em 2008, de um engenheiro brasileiro com múltiplos tumores no cérebro.

As cerimônias de canonização, decretada pelo papa Francisco a 15 de março, vão decorrer na praça de São Pedro, a partir das 10:30 (5:30 em Brasília), um dia antes do 19.º aniversário da morte de Teresa de Calcutá, fundadora da Ordem das Missionárias da Caridade.

A aprovação pelo Papa do segundo milagre encerrou o processo que levou à beatificação em 19 de outubro de 2003, durante o pontificado de João Paulo II, para quem Teresa de Calcutá era a ´incansável benfeitora da humanidade´.

A canonização equivale ao reconhecimento oficial pela Igreja de que a pessoa está no paraíso, sendo necessário que, depois da morte, esteja na origem de dois milagres, um para a beatificação e o segundo para a canonização, sinais da proximidade com Deus.