Ex Deputado Eduardo Cunha faz contagem regressiva para começar delação

O ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha teria definido uma contagem regressiva para começar a discutir a sua delação premiada. Insatisfeito com a possibilidade de prisão de seus familiares, através de recados na direção do governo federal, Cunha estaria avaliando se seus antigos aliados continuam ou não fiéis a ele.

Se até o fim deste mês ele constatar que foi abandonado, Cunha estaria então disposto a dar início aos acordos para a delação, de acordo com o Estado de S. Paulo.

Eduardo Cunha está preso deste outubro do ano passado. Na ocasião, chegou a afirmar que escreveria um livro com suas “memórias”, num claro recado sobre a quantidade de informações que possui sobre importantes nomes do poder.

Interlocutores destacam que se Cunha falar tudo o que sabe, poucos nomes sobrariam ilesos no atual cenário político.