Relógios Falsos São Apreendidos com Homem da Mala de Aécio Neves




Mendherson Souza era um ilustre desconhecido até o dia 17 de maio. Era apenas assessor parlamentar do senador Zezé Perrella. Ganhou notoriedade, porém, quando foi preso na Operação Patmos, deflagrada a partir da delação da JBS, por ter transportado o dinheiro destinado a Aécio Neves.

Frederico Paiva, primo de Aécio, foi quem buscou a grana com os delatores durante a ação controlada pela PF. Mas foi Mendherson o responsável por pegar a mala e fazer que ela chegasse ao seu destino final: a empresa Tapera Participações Empreendimentos Agropecuários, da família de Perrella.






#Fonte: Robson Pires