Primeira Etapa do Pente-fino do INSS Cancela 83% dos Benefícios no RN



O pente-fino que o governo federal está realizando nas aposentadorias por invalidez e auxílios doença cancelaram 83% dos benefícios no Rio Grande do Norte. A informação foi repassada pela assessoria de comunicação do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). 
 
Segundo a pasta, foram realizadas 2.140 perícias com 1.781 benefícios cancelados. Ainda de acordo com o órgão, a ausência de convocados levou ao cancelamento de outros 512 benefícios no estado.

Além disso, 230 benefícios foram convertidos em aposentadoria por invalidez, 49 em auxílio-acidente, 6 em aposentadoria por invalidez com acréscimo de 25% no valor do benefício e 74 pessoas foram encaminhadas para reabilitação profissional. A economia anual é estimada em R$ 74 milhões.

No Brasil, até 31 de janeiro de 2018, foram realizadas 252.494 perícias com 201.674 benefícios cancelados. A ausência de convocados levou ao cancelamento de outros 26.701 benefícios. A economia até agora é de R$ 5,8 bilhões. A expectativa desta segunda etapa do pente-fino é economizar mais R$ 9,9 bilhões em 2018, totalizando cerca de R$ 15,7 bilhões ao longo do programa.